Só o começo

Eu estava pronta para uma segunda-feira pesada.

Ao contrário disso, tomei um apanhado de surpresas e notícias boas que me convidaram a desconfiar sobre o meu futuro!

Vamos por partes. Hoje o trabalho, ao contrário do que imaginei, foi leve. Não muito, porque essa vida nunca é leve suficiente pra gente relaxar, mas foi bem menos sofrido. De tarde, teria que pegar a minha carteira de advogada, depois de meses esperando a confecção. Peguei uma chuvinha fina antes de chegar na OAB. Papai já estava lá todo felizão, achando que sou mais inteligente que o normal. Gosto quando ele pensa isso! Deixa quieto!

De lá, saí pronta para desmaiar de fome na rua, voltei correndo pra casa e meu cachorro já me chamava de dotôra. Liga minha prima, aquela mesma de alguns posts atrás que perdeu a Blume, sua cachorrinha. Ela ligou feliz. Muito feliz. E não era porque eu tinha a carteira. Ela encontrou a cachorrinha! Por incrível que pareça, um homem viu o cartaz, desconfiou do vizinho e recuperou a Blume pra gente. O céu se abria!

O dia estava anoitecendo e era só o começo pra mim. Vi o mundo passar pela janela do carro. Visitei família. Conversei com namorado. Comemorei o que tinha que ser comemorado.

Relembrei os anos de serviço externo, as noitadas de estudos, as manhãs de cursinho com ar-condicionado e esse espaço legal. Não foi fácil pra mim. E tudo para ver a minha cara de Mona Lisa na carteira vermelha, perguntando com a mesma astúcia do Renascimento que mudanças posso provocar agora.

E a minha primeira grande transformação será a de não me moldar na imagem que as pessoas tem de advogadas (os). Tenho um pensamento que me diz que querer ser melhor exige também uma grande dose de humildade, coisa que o serviço externo te obriga a ter e que o advogado não deve  perder. Não quero jogar fora minha outra formação, minhas conclusões particulares e meu futuro brilhante como a melhor filha do mundo dos meus pais.  Me deu vontade de abraçar o mundo (humildezinha, né)!

Eu vou, pelo menos, tentar.

Foi isso que aconteceu hoje.

"Esse é só o começo do fim da nossa vida
 Deixa chegar o sonho, prepara uma avenida
 que a gente vai passar" Los Hermanos
Anúncios

3 Respostas to “Só o começo”

  1. Douglas Silva Says:

    Parabéns e boa sorte! #tôtorcendo :)

  2. Bárbara Says:

    Que gracinha!!!parabens Di!! vc merece demais.
    Ahh..depois voce tem que me explicar uma coisa!!!Adorei!!
    Saudades!!!!!!bjao

  3. jamillesantana Says:

    Eu, que tive um Blog tempos atrás (o In Resumo) e vivia comentodo aqui e acolá, hoje, com meu escritório, sendo atropelada por prazos, audiências, clientes, contas… Lembrei desse espaço aqui. Curiosa, pensei: Xô vê a vida daquela dona legal, aquela do blog legal e que tem um cachorrinho bem legal. E olha só! A escritora-estagiária-blogueira legal agora tem uma vermelhinha! Puxaaaa. Boa sorte! Fiquei bem feliz de ler isso aqui. Se cuida e tenha uma vida profissional bbeeeeemmmm legal!

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: