Impostômetro

Tenho sentido alguns sintomas de estar entrando (eu sei que é gerúndio, sei que ninguém gosta, mas quero falar assim mesmo: “estar entrando”) na vida adulta. Alguns deles são: comer salada, passar filtro solar para trabalhar e usar maquiagem. Mas o mais relevante e o que mais intriga as pessoas é que agora praticamente aboli a cantoria no carro para ouvir CBN! Poxa, adoro a CBN (menos quando tem futebol…). Se tem uma coisa que considero uma boa ideia da Globo, esta coisa se chama CBN.

Pois bem, hoje o Sardemberg falou sobre o Impostômetro, um sistema criado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário que mostra quanto o Estado (este Brasil lindo e trigueiro) anda arrecadando de dinheiro. A conversa veio de um pronunciamento do nosso atual presidente que diz que o Brasil precisa de muito imposto mesmo. Pelos cálculos do jornalista, que por sua vez pegou os cálculos no site do Impostômetro, cada brasileiro já pagou do início deste ano até agora, cerca de R$2.600,00 só de imposto.

Pense bem, o que você faria com a metade disso a mais no seu orçamento??? Digo “só a metade” porque claro que impostos sempre vão existir.

Poxa, com a metade deste valor, ou seja, R$1.300,00 você poderia escolher entre pagar meses de plano de saúde, ou dezenas de caixas de remédio, ou duas mensalidades em escolas renomadíssimas, ou uma passagem de ida e volta para o Canadá, ou três meses de serviço para um estagiário de Direito, uma semana com tudo pago em Campos do Jordão, várias ações de indicação da Mara Luquet, ou um super netbook com capinha, som e brinde surpresa, ou um Ipad com uma mochila e um ipod pra acompanhar, ou quinze vestidos lindos, ou 65 pizzas que é o que, muito provavalmente, virará este dinheiro.

Nosso simpático apresentador brincou que o Brasil paga impostos de países ricos da Europa e tem serviços de países pobres de onde quer que se imagine. “Pagamos impostos na Inglaterra e recebe-se serviços em Gana. Vivemos em INGANA”.

Confira esse novo brinquedinho que é muito sério. E não deixe de pensar que todo este dinheiro deveria deve ser encaminhado para cumprir com o art. 6º da nossa Constituição.

Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição.

Mais:

Colabore com a rápida pesquisa da UFMG para melhorar o péssimo serviço de transporte de Belo Horizonte.

Sério, colabore mesmo!

“se fosse vivo, o que faria Tiradentes atualmente, posto que ele e seu grupo se revoltaram contra a cobrança de um quinto de impostos (20%), mas, segundo analistas econômicos, no Brasil de hoje, a carga tributária já esbarra nos 38%?” – José Antônio Sacramento, presidente do Instituto Histórico e Geográfico de São João Del Rei (já apareceu aqui no blog)

Anúncios

4 Respostas to “Impostômetro”

  1. Vilton Souza Says:

    Oi, Didi. Olha, seu Blog está ótimo. Ainda mais agora, quando você traz algo novo a cada dois dias. Também adoro a CBN.

  2. Impostômetro |  Laboratório Jurídico Says:

    […] Site: https://direitoelegal.wordpress.com/2010/06/02/impostometro/ Fonte: https://direitoelegal.wordpress.com/feed/ VN:F [1.8.9_1076]Salvando…Rating: 0.0/10 (0 votes cast) Adicionar aos favoritos […]

  3. Advogado Rio de Janeiro Says:

    Não consigo imaginar quando e se um dia verdadeiramente instituírem o IGF – Imposto sobre grandes fortunas.

  4. Paola Says:

    Que coincidencia, desde que perdi meu ultimo celular, rsrsrs… E como o atual so tem radio e eu sou inquieta… Super aderi `a CBN, tipo, faz 3 meses. Ja estou pensando que preciso aprender a investir meu dindin, mesmo q seja um pouquinho…

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: