Direito dos animais

Sinto dó e aflição quando deixam uma criança maltratar um animal, uma formiga que seja. É incalculável o número de vezes que assisti a isso e ouvi dos pais o argumento de que “são apenas crianças”. Não, né. Crueldade não tem idade. E quanto mais cedo for corrigida (sim, ela tem correção), melhor para a pessoa e para os coitados dos animais.

Hoje, após oito anos de trabalho como cão-terapeuta, morreu o simpático Baxter, um grandalhão mistura de Chow Chow com Golden Retriever. Durante boa parte da vida, ele dedicou sua paciência para confortar pessoas enfermas em hospitais. Hoje, aos 19 anos, ele se foi. Mas deixou lições, como todos os animais costumam deixar, de amor à vida, à natureza e grandes lições de respeito (sim, respeito).

E mesmo com esse discurso (que aposto que já é conhecido de todos) ainda comemos carne, usamos couro, lavamos a cabeça com xampu de tutano de boi, etc (e põe etc nisso). A gente ainda vive uma certa hipocrisia e se desculpa dizendo que não tem jeito (pior que eu me incluo). Até tentamos diminuir ao máximo, mas ainda, ainda… estamos nessa.

Por isso, fiquei animada com a notícia vinda do Planeta Sustentável sobre o prêmio dado ao documentário sobre Direito dos Animais. Provavelmente um documentário forte, mas muito humano (no bom sentido) e importante para a consideração dos animais.

Em 1978 o Brasil assinou a declaração dos direitos dos animais pela UNESCO. Vale a pena conferir seus direitos e lutar para que sejam cumpridos.

Entre eles, destaco:

Art.3o – Nenhum animal será submetido a maus-tratos e atos cruéis. Se a morte de um animal é necessária, deve ser instantânea, sem dor nem angústia.

Art.8o – A experimentação animal que implique sofrimento físico é incompatível com os direitos dos animais, quer seja uma experiência médica, científica, comercial ou qualquer outra. As técnicas substitutivas devem ser utilizadas e desenvolvidas.

Art.13o – O animal morto deve ser tratado com respeito. As cenas de violência em que os animais são vítimas devem ser proibidas no cinema e na televisão, a menos que tenham como foco mostrar um atentado aos direitos dos animais.

E lembre-se que crueldade contra animais é contravenção penal. Se eles estão aí para nos ajudar e nós a eles, sejamos amigos.

Mais:

Um bom apanhado da legislação a respeito

Mais leis de proteção e manutenção do animal

Blog Moment with Baxter

Planeta Sustentável

Uol Bichos

Adote um amigo (de graça, limpinho e vacinado)

Vira-lata é dez

Vídeo para você adotar mesmo!

A Bia tem um blog de Proteção Animal. Visite.

Anúncios

7 Respostas to “Direito dos animais”

  1. Direito dos animais |  Laboratório Jurídico Says:

    […] Site: https://direitoelegal.wordpress.com/2009/11/19/direito-dos-animais/ Fonte: https://direitoelegal.wordpress.com/feed/ VN:F [1.7.5_995]Salvando…Rating: 0.0/10 (0 votes cast) Adicionar aos favoritos […]

  2. Bia Says:

    Muito bom! Ainda tenho fé que um dia os direitos dos animais serão respeitados… Tomei a liberdade de “linkar” seu post em um blog meu… Sabe como é, dá uma força já que ele anda abandonadinho…rsrsrs.
    Bjo

  3. FLohn Says:

    Te encontrei por acaso e gostei muito do seu texto. Como assessora no Senado posso lhe dizer que a pressão exercida pela sociedade com relação ao tema tem crescido cada dia mais e tem mudado concepções. Parabéns!

  4. Dan Says:

    Não sei se vc conhece, mas tem um vídeo foda que explica a relação homem/animal. Sempre lembro dele quando vejo algo relacionado ao direito dos animais. Vale a dica.

  5. Afonso S Junior Says:

    Amigos,

    convido todos a acessarem meu blog http://www.blogcasosecausas.blogspot.com.

    Um blog voltado para questões cotidianas, jurídicas e não jurídicas.

    Os comentários serão sempre bem vindos.

    Forte abraço
    Afonso S. Junior

  6. Amanda Says:

    Parabéns Pelo Post

  7. Marcos Vinicius Says:

    Legal esse texto, parabéns pela postagem !

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: