My Sister Keeper e uma questão de Bioética

Esse fim de semana vi um filme que conseguiu me abalar bastante (tem sempre um engraçadinho que fala que não sentiu nada). My Sister Keeper (o nome em português é meio péssimo – Uma prova de amor). Apesar de muito sofrido e obviamente com alguns clichês do tipo sempre que a personagem fica feliz, ela tem uma grande decepção, o tema em torno de bioética é bem instigante e gera muitos conflitos. Fora que é interessante ver que o advogado lá é uma celebridade que faz comerciais televisivos!

Queria saber a opinião de quem assistiu, sobre a questão exposta no filme (uma menina é gerada para ser doadora da irmã com leucemia). Você, como pai ou mãe, faria isso por seu filho? E se o outro filho se recusasse a doar?

Não recomendo o filme para crianças, nem pessoas muito doentes. É triste demais. Aliás, só recomendo para quem estiver bem tranquilo mesmo.

About these ads

6 Respostas to “My Sister Keeper e uma questão de Bioética”

  1. My Sister Keeper e uma questão de Bioética |  Laboratório Jurídico Says:

    [...] Site: http://direitoelegal.wordpress.com/2010/04/13/my-sister-keeper-e-uma-questao-de-bioetica/ Fonte: http://direitoelegal.wordpress.com/feed/ VN:F [1.8.6_1065]Salvando…Rating: 0.0/10 (0 votes cast) Adicionar aos favoritos [...]

  2. João Vidal Says:

    Gostei do blog, bem dinâmico..tentarei acompanhar sempre que puder desde já!

  3. Liliane Says:

    Oi Didi,

    Não assisti a esse filme, mas com certeza parece ser demais. Leio seu blog há algum tempo e achei coicidência pois estou fazendo um trabalho sobre Bioetica e Biodireito e seus principios.
    Realmente é um tema novo, e muito interessante, estou gostando muito dessa área. Muito a estudar né?

    Vou seguir sua dica e assistirei ao filme. Aproveito e desejo boa sorte na escolha do seu tema da monografia.

    Abraços

  4. Annie Adelinne Says:

    Ainda não tinha pensado em ver esse filme, mas vou seguir sua recomendação e procurá-lo ;)

    Beijos

  5. Rodolfo Lobo Says:

    Engraçado você falar dessa filme, três semanas atrás falei dessa filme para a minha turma de direito, sou calouro, na aula de filosofia, o que gerou uma discussão muito boa.
    Uma questão bastante interessante quanto a esse filme é pluralismo de pontos de vista, é impossível afirmarmos que a mãe ou a filha mais nova é quem está correta. E o direito trata com isso, muitas vezes é dificil para o magistrado ver qual lado é o “correto”, e às vezes esse lado nem existe.
    Eu agradeço você por ter levantado essa discussão, espero que dê outras dicas de filmes.

  6. jose olegario teodoro Says:

    A bioética é uma ciência em plena transformação e aperfeiçoamento.
    O direito é um campo amplo e tem sempre dois lados um é o vencedor o direito o ampara,o outro vencido o direito não o amparou.
    O filme é polêmico como toda polêmica tem dois lados,um é o lado moral e ético o outro lado prático amoral.
    Estudo o direito como autodidata para conhecer meus direitos de cidadão brasileiro de direitos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 311 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: